Saiba como proceder em situações de emergência no condomínio

Compartilhe esse post:
Email this to someone
email
Share on Facebook
Facebook
Tweet about this on Twitter
Twitter
Share on LinkedIn
Linkedin

Situações de emergência no condomínio podem acontecer a qualquer momento e, para isso, é importante que todos estejam preparados para saber lidar com a situação. Hoje, vamos te dar algumas dicas importantes para esse tipo de situação:

Que tipo de situações podem ser consideradas emergências?

Antes de tudo, para saber como agir é preciso entender que situações podem se enquadrar como uma emergência. Algumas delas são:

– Passageiros presos no elevador;

– Vazamento de gás;

– Canos estourados;

– Brigas entre moradores ou com funcionários;

– Envolvimento de moradores com drogas;

– Festas problemáticas, que podem resultar em barulho excessivo ou brigas;

– Assalto ao condomínio;

– Queda da energia e

– Princípio ou risco de incêndio.

Vale lembrar que, dentre essas e outras emergências, há níveis de periculosidade. Algumas são mais perigosas e delicadas que outras. De qualquer maneira, é importante estar atento a todas.

 

Como proceder:

É evidente que cada situação tem suas particularidades e, por conta disso, exige uma solução diferente. Porém, algumas dicas podem servir para todas ou a maior parte das situações. Veja quais são elas:

  1. Adote medidas para prevenir possíveis emergências: diversas das emergências que acontecem no condomínio podem ser causadas por conta da má estrutura ou da falta de cuidado com os espaços do condomínio. Uma boa solução é realizar com frequência a manutenção preventiva de todas as áreas.
  2. Treine seus funcionários: apesar de não ser obrigatório ter uma equipe qualificada para esse tipo de situação, é interessante que seja investido no treinamento dos funcionários para a saúde e segurança dos moradores. Ter um profissional com um mínimo de treinamento para ajudar nos socorros pode ser essencial em determinados momentos.
  3. Tenha sempre em um local de fácil acesso do condomínio um kit de primeiros socorros: um kit com os elementos básicos também é bastante importante na hora de uma emergência e pode fazer muita diferença. Alguns dos objetos básicos normalmente encontrados nesses kits são: soro fisiológico, curativos, algodão, gaze, luvas, esparadrapo, tesoura sem ponta, ataduras e termômetro.
  4. Por fim, o último passo (e também um dos mais importantes) é saber a quem recorrer em cada tipo de situação, além de ter em mãos os contatos mais importantes! Se for um caso de incêndio, por exemplo, você deve chamar os bombeiros. Já em caso de brigas, o contato é outro e por aí vai. Confira alguns números e contatos importantes:

Contatos importantes para ter em mãos:

– Polícia: ligue para o 190

– SAMU (ambulância para casos clínicos): ligue para 192

– Bombeiros (para casos de incêndio, vazamento de gás, resgate de passageiros no elevador em caso de trauma): ligue para 193

Além desses principais, mantenha na sua lista contatos como a empresa de manutenção dos elevadores, a seguradora do condomínio, e as empresas de manutenção dos portões e bombas.

Compartilhe esse post:
Email this to someone
email
Share on Facebook
Facebook
Tweet about this on Twitter
Twitter
Share on LinkedIn
Linkedin

DEIXE UMA RESPOSTA

Insira seu comentário!
Seu nome